Archive for the 'Na madrugá!' Category

Festa Post-it nunca mais.

festapostit

Antes dessa bendita festa, eu tinha ido uma vez só ao Vegas. Em uma quarta-feira que teve uns residentes da Tribe tocando. Foi um dia animal. Tinha umas 50 pessoas na balada, sem fila pra entrar, sair ou no bar. E das todas as pessoas, eu conhecia 10. Resumindo: Foi foda.

Quem já foi ao Vegas sabe que depois de 400 pessoas já é hora de não entrar mais ninguém. E parece que sexta-feira isso foi esquecido. Parecia um chiqueiro. Não, chiqueiro não, um pombal!!! E digo isso porque o problema do público gls é que eles são folgados. Mas beleza, a festa era pop. Eu que estava no Vegas no dia errado.

Mas não é nem por isso que eu não recomendo. Além do freak show durante. A soma de horas na fila pra entrar e sair foi de quase duas. Uma hora pra entrar, e 45 minutos pra sair. Disso tudo, só tiro uma conclusão: O Vegas não é o melhor lugar pra essa festa.

E minha balada só num foi um furo total pelas companhias. Vejam fotos no blog Papel Pop. Que inclusive tem uma foto que tá a Dani daqui do blog, eu, e a Ari (a quinta foto de baixo pra cima).

Anúncios

Only sexy people please

mokaiBalada de ricos e famosos de South Beach, Miami, teve pouso turbulento aqui no Brazuca. Dia 29 de abril, quarta-feira, a Mokaï tentou abrir e? Lacrada! E o motivo é mesmo de sempre, o bendito alvará. O mesmo que deixou a Kaballah nas mãos.

Também, pudera, Rico Mansur tem muita coisa pra fazer, não pode registrar a casa dele na prefeitura antes da inauguração. E daí, que coisas acontecem, né? Como o secretário de controle urbano colar lá com uns policiais e impedir alguns abonados de gastar seu barão da noite.

O lema é esse mesmo do título: Somente para pessoas sexys, por favor! Então se você não é bem a Angelina ou o Brad, fica em casa mesmo que a balada num vai ser pra você. Pelo que vi não deixam os feiões entrarem na Mokaï da gringa, e aqui deve ser a mesma coisa. E agora? A patty feia da turma vai ter que fazer quantas cirurgias?

Parece que a casa inaugurou depois do barulho em algum dia ai, não sei de ninguém que tenha ido. E nada diz na comunidade do Orkut (e pelo que vi dos 27 membros, metade não entra).

Mokai Miami

Mokai Miami

A casa fica na Augusta, quase esquina com a Oscar Freire. Bendito lugar pra lançarem uma balada de ricos folgados. Se o transito já era chato, vai ficar pior ainda com os blindados parando por ali.

Por enquanto não tenho uma idéia muito legal da balada. Ainda não sei o preço. E imagino que vou me desapontar mais um pouco. E penso que se a Pachá concorria com a Museum; A Mokaï vai pra concorrer com a Pink.

Chemical Music Festival + Myspace

Depois de deixar quilos de baba no teclado com o layout do site do Chemical Music Festival. Deixei mais alguns outros quilos com as atrações. É, realmente o festival voltou com tudo e ainda com inovação: Myspace criou uma tenda lá!

chemical-music-festival

O line-up tá impressionantemente variado e com atrações gordas (ou gordurosas). Novas gírias, galére!  Hahahaha.  Porque gorda é mais legal que ‘de peso’. Mas então, gente como Trentemøller, Booka Shade, Ticon, Gui Boratto e D-nox vão dar as caras. Tudo isso e muito mais em 4 pistas.

Eu disse que tava bom. E como vocês realmente puderam ler, Anderstrentemoller Trentemøller o dono da remixagens como What else is there, Moan e Do what you do, vai tocar para nos. Ele fará outras apresentações aqui no Brasil. Na tribe de BH, XxX de Curitiba, Anzu e na D-edge aqui em Sampa. Faria (ou farei) um post só dele. DJ Merecedor!

E finalmente a pista do Myspace. Achei a idéía sensacional e, com certeza, muito coerente com a mídia, né? Muitos DJs hoje em dia não tem site, e sim um Myspace, visto sua utilização como player.  Nessa tenda é onde o queridinho D-nox vai tocar, junto com The Twelves, Fuzion (antigos Flow e Zeo, aquele casal simpático), Killers on the dance floor e Audiojack.

oculos3dA festa pegou aquela antiga idéia dos óculos 3d e vai fazer algumas ilusões para galera na pista principal. Parece ser legal, e tomara que funcione. Diferente da realidade aumentada que eles prometeram no Sensation, quee só aconteceu mesmo no site. Mas acho compreensível. RA é uma coisa foda, que precisa de um grande espaço físico livre e lá na muvuca não rolaria. Enfim, e a idéia do 3d também tá no site.

Ingressos acessíveis para o tanto de calorias no line-up. Lá vai ter backstage, ou camorote (como preferirem). Gui Boratto só pra quem pagar o dobro do valor da pista. E, ah! Só os compradores do primeiro lote levam  óculos. Corram!

Ninguém pára a Kaballah

kaballahKaballah é melhor festa, com certeza. Melhor gosto para o line-up, melhores atrações inéditas, melhores ‘residentes’, sites mais bem feitos, mais limpos, diferentes das outras festas que poluem com aquelas bizarrices, como a Orbital, que fez uma nave muito mal feita, e a Tribe, que sempre vem com essas idéias de paz e blablablá, e o site parece o capeta. Enfim, Kaballah é melhor, e ponto.

A última edição foi realmente lamentável, porém compreensível. Não vou me delongar, campinas tirou o alvará da festa no dia, ai os organizadores locaram a Pachá aqui em Sampa, e a Anzu em Campinas. Problema foi que nem com o tamanho das duas casas, nunca que caberia a galera toda, pensando que seria um dia normal pras casas, aberto ao público. Pessoal vindo de outras cidades ficaram perdidos. Nem todos os djs tocaram, muito menos nos dois clubes. Somente alguns viajaram entre as cidades e fizeram duas apresentações. Fora o clima que não tinha nada a ver. No site tem uma mega explicação.

Mas a nova edição com certeza vai ser top demais. Lugar novo, nunca fui, mas tomara que seja plano e gramado (eu sou um dos que não gosta das pedras da Pedreira, lugar preferido da Tribe). Vão ter três palcos, o principal, o Cocoon stage, e chill out. Bom que se cansar de um som, troca de pista, e demoro!

Lógico que estou considerando principalmente os djs de low bpm (músicas com batidas mais lentas, ou melhor, quase tudo menos o psy). Para os que gostam do Psy, com certeza tem atrações de peso para cena. Shanti, Protoculture, Headroom e Megaband (Void + Eskimo) tocarão lá durante a noite.

Mas nada como ouvir Liquid Soul, Amo & Navas, Dusty Kid e Popof na mesma festa. Prog do melhor, electro do melhor e technera da melhor. Todos esses estão na pista principal, das alternativas não conheço muito dos djs então não vou comentar, mas devem ser bons. E ah, tem uma atração surpresa dos EUA, mas nem imagino quem seja. Tomara que seja inédito hehehe.

O site dessa festa ainda não está no ar, deve estar para entrar, mas na comunidade tem bastante infos, inclusive o line completo de djs. Farei de tudo pra ir! Quem sabe a gente não se tromba por lá.

Tribe em dose dupla!

tribe

O Skol Sensation iniciou o circuito das grandes festas de música eletrônica neste ano. Mas será em maio que acontecerá uma das festas mais esperadas do ano. A Tribe está aí e desta vez vem em dose dupla. Batizando a festa com o nome MoonLight, a primeira festa (Moon) acontecerá no dia 16 de maio e a segunda festa (Light) será no dia 18 de julho. A novidade é que a Tribe voltará para a Pedreira que é o seu lugar de origem.

Como diz o próprio nome das festas, cada uma será concentrada num período, Moon a noite e Light durante o dia. O som também varia bastante. A primeira festa terá a apresentação de grandes nomes como Domestic, Infected Mushroom e Ticon. A segunda festa terá nomes tão bons quanto a primeira como Pixel, Growling Machines, X-Noize, entre outros.

Informações sobre a festa estão no próprio site da tribe. Aproveite também a ótima promoção da Tribe onde você pode adquirir os dois convites por R$80,00 (primeiro lote).

Para quem adora música eletrônica, não pode perder por nada.

O elefantinho rosa

É incrível como os logos de baladas sempre tentam ser divertido, e ultimamente as baladas mais ‘povoadas’ (não as melhores) são as que tem o logo mais engraçado.

pinkelephant

É o caso da Pink Elephant, que não chegou há muito tempo em Sampa e já foi eleita a melhor casa noturna pela Veja, e outros meios. Agora eu penso, ela é a melhor porque é a mais cara?

Eu nunca fui lá. Tenho bastante curiosidade pelo tanto de comentários de circulam por ai. Só que ultimamente tenho desanimado um pouco, só ouço dizer que as pessoas não entram enquanto tem seu nome na lista, devido aos VIPS que não enfrentam fila e ficam entrando pela lateral da balada. Fora o desrespeito da staff com os visitantes da casa.

Para ir na pista, são 300 reais consumação, e camarote de 6 pessoas gira em torno de 2000 as 2500 reais. A ralé da balada que só pode pagar 300 reais numa simples noite fica horas na fila para conseguir um lugar ao sol. Já os que podem ver a balada por cima entram rapidinho.

Compensa passar tanto stress pra isso? Se você não for filho do Silvio Santos ou da turminha baladeira da Karina Bacchi, rola pagar tão cara para ouvir djs que não são tão renomados assim? Desembolsar quase o preço da garrafa em um copo de vodka com energético? Enquanto outras baladas cobram metade do preço por muito mais tempo de balada e djs que estão no topo da lista dj mag?

Pra mim o elefantinho não tá com nada.

Skol Sensation, você vai?

sensation1A primeira edição – a que ninguém foi – de uma festa caríssima, com alguns dos maiores nomes da musica eletrônica internacional e brasileira, e você, vai?

Pra mim essa festa vem pra derrubar muitas outras e crescer o ramo de festas eletrônicas diferentes das raves populares, que por ser bem mais baratas não selecionam bem o público. Se você quiser ir na pista mesmo, desembolse 180 reais e leve mais pra bebida. Caso queira ir de camarote, tem duas opções: o normal, que é open bar, e custa 320 reais, e a opção que eu considero como o melhor custo x benefício; Ou você paga um misero barão pra ter um esquenta na Daslu, ser levado de Limusine para a festa, e chegar lá ainda tem um espaço completamente VIP com tudo open bar. É, bem chato assim mesmo.

Os conceitos da festa que fazem muito a diferença: Todo mundo tem que ir de branco, o que deixar o ambiente muito mais sofisticado, o dj fica no centro da galera, então tem vários ‘fundos’ e ‘frentes’ pra você escolher, e não só lado esquerdo ou direito. E a festa acontece o tempo todo a noite.

O line-up conta nada mais nada menos que o rei do trance (que não é psy, por favor!) Ferry Corsten, e pai de uma linda baladeirinha, vide este vídeo. Fedde La Grand que recrutou muitos fãs com Put your hands for Detroit. Ele que já foi residente do Ministry of Sound, Mark Knight. Mason, que é muito famoso no Brasil pela música Exceeder, lembram-se? Nem é tão velha assim. O renomadíssimo brasileiro Gui Boratto, que tem seu som marcado com batidas lentas, progressivas e muito inspiradoras. Além de Megamix, com shows de luzes e pirotécnicos. E Ericke, grande nome holandês do house.

A escolha dos djs foi ótima por não entrar nenhum nome que chame aquelas caras tortas e feias que ninguém quer ver por na noite. Pra mim poderia entrar outros grandes nomes também, mas ai seria mais caro ainda, e a festa teria que ter mais tempo. E nada como ter outras grandes opções para outras edições.

Agora fica pra você decidir. A festa vai rolar no pavilhão Anhembi dia 04/04 às 23h. Cheguem cedo, porque a primeira atração é Gui Boratto, e lembrem-se que em eventos da Skol estudantes pagam meia entrada.

Atualização 04/04 : Comprei meu convite! E a Bruna e Dani do blog tb vão!


Del.icio.us

Categorias

Arquivos por meses

Anúncios